sexta-feira, 17 de março de 2017

As imorais pensões por morte recebidas por Arlete Richa


Arlete Vilela Richa, mãe do governado do Paraná, Carlos Alberto Richa, continua acumulando duas pensões pela morte de José Richa, pagas com dinheiro público do Estado.

José Richa morreu em 2003 e a dona Arlete, 76 anos, mantém união estável há pelo menos seis anos com o médico Farid Sabbag, mas não formaliza a convivência com o companheiro para não perder  a boquinha.

O mais interessante é que, no Paraná, as pensões por morte de ex-governadores, foram extintas justamente no início do governo Beto Richa em 2011, mas, convenientemente, ressalvaram-se as pensões concedidas antes da promulgação da Constituição de 1988, que é o caso da mãe do governador.


Enquanto isso, querem reduzir pela metade as pensões por morte das viúvas de trabalhadores...

Nenhum comentário:

Postar um comentário